sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Façamos de nossas vidas um Natal constante

As escrituras em geral nos relatam o Natal como a data de nascimento do menino Jesus, que veio ao mundo para nos ensinar o que é o bem e como nos portar para que, através destes ensinamentos, aproveitemos nossa estadia na terra. Jesus foi e é um ícone a nos guiar nos caminhos do bem, do amor e mais do que nunca da inteligência.

Então é chegado o Natal, dezembro, mês do nascimento de Jesus, os nossos corações se deixam levar por ondas de amor igualmente a que Jesus nos ensinou, um ser de grandiosidade sem igual que morreu de morte sacrifical por nós. Neste mês tudo muda para nós, quanta beleza, quanta alegria, pois, deixamos Jesus entrar em nossas vidas, em nossos lares, nossos trabalhos... Ficamos mais generosos, caridosos, nos relacionamos melhor, amizades se fundem, o perdão se liberta, o amor fala mais alto... A vibração da terra se ameniza justamente por ser conseqüência de nossas vibrações, então, no lugar da maldade, toma posse a generosidade. Tudo isto é lindo, maravilhoso e louvável de nossa parte e deve ser assim para a eternidade.

Por isso agradecemos pela magnitude de tamanha ação no Natal, envolvendo o planeta em benesses, todavia nos fazem uma pergunta:
Por que se modificam em melhorias somente em dezembro? Uma vez que sabemos ser esta a mudança que irá alavancar a evolução do nosso planeta em todos os sentidos? Se já sabem o que mudará nosso mundo tornando-nos mais felizes, por que fazem o que Jesus nos legou de aprendizado somente uma vez por ano?

Façamos do nosso Natal momentos de paz e de infinita alegria e que o nosso coração esbanje amor para nós e para todos que nos rodeiam, que a generosidade cubra-nos trazendo leveza e bem estar. Enfim, que sejamos abençoados e renovados no amor de Jesus, mas, façamos do nosso Natal não somente um dia, mas, sim 365 dias por ano. E assim estaremos mudando o que sempre quisemos mudar e nunca conseguimos por não saber como fazê-lo, vislumbraremos um planeta de paz e felicidade.

O que é o Natal a não ser um exemplo de como devemos nos comportar e agir .

Pensemos! Façamos de nossas vidas um Natal constante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

;